• Fale conosco: (71) 99155-9287

Portfólio

A Plataforma para o Desenvolvimento de Empreendedores é uma iniciativa da Fundação Telefonica/Vivo desenvolvida, em 2015, em 04 localidades Brasileiras:

Santarém (PA), São Paulo (SP), Vale do Jequitinhonha (MG) e Santa Cruz Cabrália (BA). Neste último, a SER Foi contratada para adequar a metodologia à realidade local e executá-la durante o ano de 2015.

Resultados:

– 388jovens formados;

– 03 espacos coletivos sofreram intervenção como parte de uma vivência empreendedora e de transformação comunitária;

– 24 soluções de impacto socioambiental positivo desenvolvidas;

– 06 soluções realizaram captura de valor.

O Adapta Sertão é um projeto da Redeh realizado no Território Bacia do Jacuípe e entorno, englobando 17 municipios, dentre eles lpirá, Pé de Serra, Itaberaba, Capim Grosso e Pintadas. Participam desta iniciativa 05 Cooperativas de produção agrícola familiar, envolvendo mais de 1.000 Famílias.

Entre 2013 e 2015, a SER desenvolveu e implementou uma metodologia para modelagem e formação de uma rede de colaboração entre as cooperativas participantes.

Resultados:

– Fortalecimento institucional de 05 famílias;

– Mais de 800 agricultores familiares participantes no processo de formação;

– Desenvolvimento de 10 novos produtos de impacto socioambiental positivo;

– Remodelagem de 06 produtos, tornando o seu impacto socioambiental positivo;

– Fortalecimento de 01 rede de colaboração.

A SER foi responsável por desenvolver a metodologia dos Mapeamentos Participativos, através de oficinas em que são identificados problemas, atores, entidades e biomas. Esta ação complementa o diagnóstico de oportunidades e ameaças para a Mata Atlântica trazendo um recorte por zonas. Estes mapeamentos também são a base dos planos de ação que foram desenvolvidos pelo Gambá. Esta ação foi desenvolvida entre 2014 e 2016 em 09 municípios do Extremo Sul da Bahia como parte do desenvolvimento dos Planos Municipais da Mata Atlântica.

Resultados:

– Realização de 02 oficinas de mapeamento em cada município, envolvendo, aproximadamente, 300 participantes.

– Desenvolvimento de relatórios “Socioeconomia Municipal”, que serão incorporados aos Planos de Conservação e Recuperação da Mata Atlântica.

*Dados da Atlas dos Remanescentes Florestais da Mata Atléntica da ONG SOS Mata Atléntica

Em 2016 a SER promoveu o desenvolvimento local das comunidades no entorno das rodovias da Concessionária Bahia Norte, a partir da incubação de empreendimentos comunitários.

Em Abrantes, os Artesãos de Sucupió formam a Associação do Artesanato do Coco, Cipó e Dendê de Camaçari. Por 12 meses, os artesãos da Associação passaram por um processo de fortalecimento do grupo e formação do coletivos, além de atividades para a regularização institucional e reflexão sobre a sustentabilidade da sua matéria-prima.

Resultados:

– Formação de 29 artesãos (impacto direto em 29 famílias e aproximadamente 116 indivíduos);

– Fortalecimento do coletivo produtivo;

– Formalização da instituição e criação de acordos de convivência.

Em 2015 e 2016 desenvolvemos e implementamos a metodologia de Modelagem de Empreendimentos do Programa de Comunidade Empreende, um projeto do Parque Social, que teve foco na solução de problemas do Centro Histórico de Salvador.

 

Resultados:

56 indivíduos formados;

18 soluções de impacto socioambiental positivas desenvolvidas;

06 soluções realizaram captura de valor;

01 Rede de parcerias e colaboração estabelecida.

Durante os dias 14, 15 e 16 de maio de 2015 recebemos em Salvador mais de 100 empreendedores sociais da América Latina que se reuniram para trocar experiências e saberes no SHAPE LATAM – encontro da América Latina do Global Shapers, uma rede internacional de jovens que e é uma iniciativa do Fórum Econômico Mundial. Durante o evento os shapers puderam conhecer melhor os moradores do Candeal e concretizar os sonhos da comunidade como uma praça para crianças, o mapeamento dos artistas do bairro e uma sensibilização sobre a questão do lixo na região.

Resultados:

– Execução de 03 soluções de forma colaborativa e co-criativa envolvendo a comunidade do Candeal: parque infantil, limpeza e instalação de pontos de coleta de lixo e mapeamento cultural.

– Fortalecimento de 01 rede de colaboração e inspiração.

Entre novembro de 2016 e maio de 2017 a SER atuou junto ao Instituto ACM para fortalecer os grupos de capoeira soteropolitanos, especialmente o tradicional Grupo de Capoeira do Terreiro de Jesus. Em encontros semanais durante 6 meses foi feito um diagnóstico participativo do segmento, realizada a formação dos capoeiristas e desenvolvidos novos projetos/produtos.

Resultados:

– Fortalecimento do Grupo de Capoeira do Terreiro de Jesus;

– Desenvolvimento de 08 novos projetos/produtos;

– Fortalecimento de 03 Associações Comunitárias.

Foi realizada uma avaliagao, do ponto de vista da inovagéo e do impacto, dos projetos apoiados nos anos de 2015 e 2016 pelo Fundo Socioambiental CASA em parceria com a Caixa Econémica Federal.

Um total de 111 iniciativas, desenvolvidas em todo o pais, Foram analisadas e sistematizadas, de modo que a inovagéo socioambiental gerada possa ser comunicada, servindo de inspiracéo para outras ex-periéncias.

Resultados:

– 111 Projetos analisados;

– 53 Projetos classificados;

– 01 E-book elaborado;

– 01 Site georreferenciado, com todos os projetos analisados.

frase_portfolio.fw

Programa de incubação da SER, composto por 4oh de atividades vivenciais, 6oh de mentoria e utilização do espaço da NOSSA.

Em 2015 foi realizado um piloto com a participação de 03 organizações e em 2016, um novo ciclo foi realizado com 06 organizações.

Resultados:

09 empreendimentos participantes;

02 empreendimentos em expanséo;

+ de 1500 pessoas impactadas positivamente.

Espaço de inovação social criado pela SER em junho de 2016 buscando fortalecer o desenvolvimento de iniciativas de impacto positivo em Salvador.

Resultados:

63 organizações beneficiadas;

15 organizações com residência fixa;

– Mais de 70 eventos realizados;

– Mais de 2000 pessoas já estiveram na casa.

Em 2016, um coletivo formado por dez organizações e movimentos da cidade de Salvador mobilizaram e articularam a realização de um Ciclo de Diálogos com as equipes das candidatas e candidatos a prefeito de Salvador. 05 encontros apresentaram metas de gestão trazidas pelas organizações, reuniram outras trazidas pelo público e ouviram os planos das e dos candidatos sobre os temas arborização urbana, mobilidade ativa, resíduos sólidos, inovação social e inclusão social.

A iniciativa, apartidária, propôs ampliar a voz da sociedade civil. O objetivo foi aproveitar o momento das eleições para incluir nos planos de gestão municipal as demandas da sociedade civil relacionadas a politicas públicas urbanas e de inclusão social.

Resultados:

04 encontros;

– Mobilização de mais de 3.000 pessoas;

80% dos candidatos firmando carta de compromisso.

Um movimento para a restauração da da Mata Atlântica Baiana tendo como estratégia de mobilização o Carnaval de Salvador.

Utilizando a técnica dos Sistemas Agroflorestais tern como objetivo plantar 571.438 mudas em Salvador, Região Metropolitana e Recôncavo, priorizando margens e nascentes de rios.

Urna iniciativa realizada pela SER em parceria com a Aú Marketing com Propósito e a Objectiva.

Resultados:

O projeto tern como objetivo plantar 571.438 mudas nativas da Mata Atlântica em Salvador e Região Metropolitana.

consultorias.fw